sábado, 23 de agosto de 2014

Na pista molhada Rosberg conquista a pole na Bélgica.

Novamente a primeira fila vai ser composta pela Mercedes.
Num treino com pista molhada quem prevaleceu foi Nico Rosberg que fez sua sétima pole no ano, Lewis Hamilton em segundo e Sebastian Vettel em terceiro, essa é a sétima pole e a quarta seguida do Alemão da Mercedes. O Brasileiro Felipe Massa vai largar na oitava posição.

E com a chuva que caiu antes do treino muitas equipes ficaram em dúvida com qual pneu sair, grande parte foi de intermediário. O primeiro bom tempo foi de Bottas 2:10.750. E não demorou muito para aparecer uma Mercedes, Lewis Hamilton fez 2:07.587, Rosberg era 0.205 mais lento que Hamilton e Vettel em terceiro.

Aí na curva 15 aparece uma Sauber parada, Esteban Gutiérrez teve problemas e estacionou o carro, bandeira amarela localizada, pouco tempo depois o carro já tinha sido retirado. Quem também estava tendo problemas era Andre Lotterer, o Alemão tinha tempo, só que estava fora da marca dos 107%, mas no final do treino ele fez 2:13.469 e ficou com o décimo primeiro tempo, a frente de Marcus Ericsson, seu companheiro de equipe.

Já no fim do Q1 Rosberg superou Hamilton com 2:07.130. Quem apareceu bem foi Jules Bianchi da Marussia, o Francês aparecia com a décima posição e a decepção ficou por conta de Nico Hulkenberg que vai largar em décimo oitavo.

No Q2 a chuva apareceu de novo, mais precisamente no primeiro setor, com medo que a chuva se espalhasse pela pista todos os pilotos foram para a pista. E Grosjean foi o primeiro a marcar tempo, mas logo Rosberg faz 2:08.108 e assumiu a ponta, Hamilton deu uma passeada fora da pista e Grosjean rodou na La Source.

Mas logo Hamilton fez o primeiro tempo com 2:07.089. E sem ninguém conseguindo ameaçar a Mercedes ficou por isso, Hamilton em primeiro, Rosberg em segundo e Alonso em terceiro.

Assim como no Q2 todos os piloto não excitaram e foram logo para a pista, Hamilton e Alonso chegaram a dar algumas escapadas, mas para surpresa o céu começou a abrir e a pista melhorar um pouco.

A prova disso foi o tempo de Rosberg 2:05.698 bem melhor do que o tempo do Q2, Vettel estava em segundo mas com um tempo bem mais alto, na casa dos 2:08, mas apareceu Hamilton com 2:06.395 e empurrou Vettel para terceiro.

Pilotos nos boxes para trocar os pneus para a tentativa final, no fim Rosberg e Hamilton travavam o duelo, ambos melhoraram seus tempos. Rosberg com 2:05.591, Hamilton com 2:05.819 e Sebastian Vettel com 2:07.717, incríveis 2.126 mais lento que Rosberg.

Confira o Grid         
1) Nico Rosberg (Mercedes)  2m05s591            
2) Lewis Hamilton (Mercedes) 2m05s819  +0s228s  
3) Sebastian Vettel (Red Bull) 2m07s717  +2s126  
4) Fernando Alonso (Ferrari) 2m07s786  +2s195  
5) Daniel Ricciardo (Red Bull) 2m07s911  +2s320  
6) Valtteri Bottas (Williams) 2m08s049  +2s458  
7) Kevin Magnussen (Laren) 2m08s679  +3s088  
8) Kimi Raikkonen (Ferrari) 2m08s780  +3s189  
9) Felipe Massa (Williams) 2m09s178  +3s587  
10) Jenson Button (McLaren) 2m09s776  +4s185
11) Daniil Kvyat (Toro Rosso)  2m09s377
12) Jean-Éric Vergne (Toro Rosso) 2m09s805 
13) Sergio Pérez (Force India) 2m10s084 
14) Adrian Sutil (Sauber) 2m10s238 
15) Romain Grosjean (Lotus) 2m11s087 
16) Jules Bianchi (Marussia) 2m12s470
17) Pastor Maldonado (Lotus) 2m11s261 
18) Nico Hulkenberg (Force India) 2m11s267 
19) Max Chilton (Marussia) 2m12s566
20) Esteban Gutiérrez (Sauber) 2m13s414
21) André Lotterer (Caterham) 2m13s469 
22) Marcus Ericsson (Caterham) 2m14s438

Nenhum comentário:

Postar um comentário