domingo, 14 de setembro de 2014

Wehrlein vence em Lausitzring. Wittmann conquista o título.

Wehrlein vence sua primeira na DTM.
E Wittmann conquista o título com duas corridas de antecedência. 
A DTM 2014 já tem um novo campeão Marco Wittmann de apenas 24 anos conquistou hoje em Lausitzring seu primeiro título na categoria. Wittmann conquista o título com duas corridas de antecedência. Marco somou incríveis 128 pontos contra Vietoris que tem 59, uma incrível diferença de 69 pontos.

Pascal Wehrlein venceu a corrida, e se tornou o piloto mais jovem a vencer uma corrida no campeonato com 19 anos.  Pascal fez uma corrida tranquila enquanto o Brasileiro Augusto Farfus fez uma boa corrida de recuperação e chegou em sétimo

Numa corrida que começou com a pista úmida e todos os pilotos largando com pneus de pista molhada, exceto Edoardo Mortara que largou com macios.

Na largada Wehrlein manteve a primeira posição, Ekström largou mal e caiu para sexto. Quem se destacou na largada foi Juncadella que de quinto pulou para segundo, mas logo em seguida foi superado por Vietoris e Green. Wittmann foi cauteloso e permaneceu na sétima posição.

Na segunda volta Ekström foi para fora da pista e caiu para a décima sexta posição. Na volta 3 Bruno Spengler recebeu uma punição por ter tocado em Tomczyk, a punição foi cumprida na volta seguinte.  Wehrlein seguia num ritmo impressionante e em seis voltas já tinha 8.2 para Vietoris.

Wittmann foi superado por Rockenfeller e Wickens na volta 9 e caiu para a oitava posição. E na volta seguinte Wickens ultrapassa Rockenfeller e ganha a sexta posição. Destaque para Augusto Farfus que ganhou dez posições até a volta doze e na volta quatorze com o vacilo de Green  e Farfus ainda ultrapassa Glock e assume a oitava posição.

Wehrlein deu uma escapada na volta 16 e perdeu dois segundos, mas mesmo assim estava tranquilo em relação a Vietoris 8.4 de vantagem. Na volta 19 Juncadella que estava em terceiro e Wickens que estava em quinto  foram punidos por não terem respeitado as bandeiras amarelas, o Canadense cumpriu a punição na volta seguinte e Juncadella na volta vinte um.

Quem estava tendo uma corrida para esquecer era Jaime Green, primeiro deu duas escapas para a caixa de brita e depois se enroscou com Tomczyk, foi punido eainda abandonou a corrida.

Na volta 26 Farfus, Green e Ekström foram para os pits colocar o pneu de pista seca, e pior para Ekström já que a equipe não prendeu direito a roda e o Sueco precisou abandonar. E a partir da volta 27 os boxes ficaram movimentados e vários pilotos pararam, e na volta 30 todos os pilotos já estavam com pneus macios.

As principais mudanças depois da parada foram Di Resta em sexto e Farfus em sétimo, só que Farfus deu passagem para Wittmann na volta 32, e Wittmann começou a fazer uma sequência de volta mais rápidas, na volta 34 1:24.867, 1:21.977 na 35. Na volta 38 Wittmann ultrapassa Di Resta e ganha a sexta posição. Ápós ser ultrapassado por Wittmann o Escocês abandona a corrida. Na volta 40 Wittmann fez 1:20.703 e outra volta mais rápida para ele.

Na volta 41 uma grande fila puxada por Farfus que levava junto: Rockenfeller, Molina, Hand e Tomczyk. Na tentativa de ultrapassar Rockenfeller, Hand acabou tocando no Alemão e rodou, incidente sendo analisando pela direção de prova.

Nas voltas finais briga pela segunda posição entre Vietoris e Scheider que descontou uma diferença considerável e começou a atacar o piloto da Mercedes, Scheider tentou ultrapassar mas Vietoris fechou a porta e ficou nisso.

Pascal Wehrlein vence de ponta a ponta e só não liderou na volta em que foi para os boxes, chegando com mais de quinze segundos de vantagem para Vietoris e Scheider, que fecharam o pódio. Chegando em sexto Marco Wittmann já garante o título.

A próxima etapa da DTM será em Zandvoort no dia 28 de Setembro.

Veja o resultado da corrida Aqui.

Nenhum comentário:

Postar um comentário