sábado, 15 de novembro de 2014

Toyota #7 vence. E dupla do #8 são os novos campeões do WEC.

Os dois carros da Toyota recebem a bandeirada. 
E o Mundial de Endurance tem seu novo campeão, a Toyota acabou com o domínio da Audi e conquista seu primeiro título mundial com Sebastien Buemi e Anthony Davidson. A dupla da Toyota agora soma 158 contra 117 do trio do Audi 1.

Mas a vitória ficou com o outro Toyota de Sarrazin/Wurz/Conway que venceu a primeira no ano, na segunda e terceira posição deu Porsche o 14 de Dumas/Lieb/Jani e o 20 Webber/Hartley/Bernhard.

O carro dos campeões passou por um grande já que teve um problema elétrico e precisou ficar meia hora parado nos boxes caindo para a última posição, mas durante a corrida foi se recuperando e acabou na décima primeira posição.

A Audi que decepcionou de novo, não chegou nem perto da vitória e muito menos incomodar os Porsche, o 1 acabou na quarta posição uma volta atrás e o 1 acabou uma posição atrás e duas voltas atrás dos vencedores.   

A decisão da LMP2 vai ficar para Interlagos. 
Na LMP2 a KCMG venceu pela segunda vez na temporada o trio Bradley/Howson/Imperatori chegou com duas voltas de vantagem para o 37 da SMP de Ladygin/Shaitar/Ladygin e na terceira posição o 35 da OAK Racing de Cheng/Petterson/Ihara.

O Ligier da G-Drive assumiu a liderança do campeonato, mas a corrida dos Russos foi comprometida logo na primeira volta ao quebrar a suspensão e perder cinco voltas, mas para a sorte deles o carro da SMP que eram os líderes da classe tiveram problemas no fim da corrida e acabaram abandonando. Agora são 136 pontos para os pilotos da G-Drive contra 158 de A.Ladigyn.

A dupla da Ferrari já garantiu o título.
A GTE-Pro como sempre protagonizou as melhores brigas, inclusive uma briga espetacular entre Pilet, Mucke e Bruni.

A vitória ficou com a Ferrari 51 de Bruni/Vilander em segundo o Aston Martin 97 de Mucke/Turner que chegou a liderar por um bom tempo e na terceira posição a outra AF Corse de Calado/Rigon. A Porsche decepcionou muito com os dois carros acabando na quarta e quinta posição, sem ameaçar os líderes e em vários momentos da prova brigou com os carros da classe Amadora.

Com a vitória do 51 Bruni e Vilander ficou com o título que poderia ter vindo já na corrida passada, a dupla da Ferrari soma 156 pontos contra 116,5 de Makowiecki.

Poulsen e Hanson foram outros que garantiram o título.
E na GTE-AM mais uma vez vitória da Aston Martin, dessa vez com o 95 de Poulsen/Thiim/Heinemeier-Hanson na segunda posição a AF Corse 81 de Wyatt/Rugolo/Bertolini e fechando o pódio o outro Aston Martin de Lamy/Dalla Lana/Nygaard.

A dupla Heinemeir-Hanson e Poulsen já garantiu o título com 180 pontos contra 138 da outra dupla da Aston Martin.

A próxima corrida será no dia 30 de Novembro em Interlagos. (A corrida começa as 13:00)

Veja o resultado da corrida Aqui.

Nenhum comentário:

Postar um comentário