sexta-feira, 20 de fevereiro de 2015

Equipes e Pilotos confirmados na DTM em 2015.

Augusto Farfus estréia pintura nova em 2015.
Fechou! Pilotos e equipes definidos para a DTM, o grid segue praticamente o mesmo, com três novatos que já foi feito um post aqui no blog. Vamos ao grid.

Na BMW a equipe RMG mantem Marco Wittmann e Maxime Martin, na MTEK Timo Glock permanece, só que agora com companheiro novo, Bruno Spengler campeão de 2013 se junta à equipe, na RBM Augusto Farfus segue e terá como companheiro o novato Tom Blomqvist, e na Team Schnitzer Martin Tomczyk segue e Antonio Felix da Costa se junta a equipe após correr ano passado na Team MTEK.

A Audi se mantém a mesma para 2015, na Team Abt Sportsline com Mattias Ekström, Miguel Molina, Edoardo Mortara, Adrien Tambay, na Team Phoenix ficam Mike Rockenfeller e Timo Scheider e na Team Rosberg permanece Jaime Green e Nico Müller.

 E na Mercedes tivemos a entrada da ART GP no campeonato, na equipe se juntam Gary Paffett e o novato Lucas Auer, na HWA Team que no ano passado correu com cinco pilotos, nesse ano corre com quatro, Paffett que foi pra ART o resto dos pilotos são os mesmos Paul di Resta, Christian Vietoris, Pascal Wehrlein e Robert Wickens, e na Mücke Motorsport Daniel Juncadella permanece e tem a chegada do novato Maximilian Götz.

A DTM se inicia nos dias 2 e 3 de Maio com a rodada dupla em Hockenheim.

Opinião: O novo Oreca 05.

quinta-feira, 12 de fevereiro de 2015

Mardenborough, Krumm e Ordóñez se juntam no LMP1 da Nissan,


Mais três pilotos confirmados no LMP1 da Nissan, na madrugada a Nissan anunciou três pilotos que já eram da marca Japonesa são eles Jann Mardenborough, Lucas Ordóñez e Michael Krumm. Os dois primeiros vieram da GT Academy, projeto da Sony com o jogo Gran Turismo que torna os pilotos virtuais em pilotos reais.

Jann Mardenborough se junta no carro 22 com Gené e Thincknell, Jann tem 23 anos e venceu a GT Academy em 2011, correu na F3 Britânica e F3 Europeia em 2013 e na GP3 em 2014, onde venceu sua primeira corrida em monopostos na segunda corrida em Hockenheimring. No Endurance foi 3° nas 24 Horas de Spa na classe GT-AM  e repetiu a terceira posição nas 24 Horas de Le Mans, ambas em 2013.

Michael Krumm vai para o carro 23 junto com Pla, Krumm migrou para o Japão em 1994, e tem ligações com a Nissan desde 1998 na Super GT, neste campeonato foi campeão em 1997 com um Toyota Supra e 2003 com um Nissan Skyline, na temporada passada acabou somente na 14° posição sem vitórias, em Le Mans tem dois terceiros lugares em 2002 na classe LMP900 (Atual LMP1) pela Audi e em 2013 com a Graves na classe LMP2.

E por último Lucas Ordóñez primeiro vencedor da GT Academy em 2009 tem dois pódios em Le Mans, segundo em 2011 e sua primeira participação e terceiro em 2013, ambos na classe LMP2, ano passado participou de Le Mans correndo pelo Nissan ZEOD, ainda em 2014 correu com a Nissan na Super GT e junto com Mardenborough foi terceiro nas 24 Horas de Spa em 2013. Lucas se junta com Matsuda no carro 21 que disputa somente a corrida de Le Mans.

Opinião: Morand cria reality-show de automobilismo.

sexta-feira, 6 de fevereiro de 2015

Mais 3 pilotos confirmados no LMP1 da Nissan.

Mais três pilotos confirmados na Nissan.
A Nissan confirmou ontem mais três pilotos para o novo programa LMP1 da marca britânica, os escolhidos foram Olivier Pla de 33 anos, Harry Thincknell de 23 anos e Tsugio Matsuda, se juntam à Marc Gené.

Olivier Pla, francês de 33 anos correu na GP2 de 2005 até 2007, depois migrou para as corridas de Endurance em 2008, participando de 7 edições seguidas das 24 Horas de Le Mans, tendo como melhor resultado um segundo lugar em 2012 pela OAK Racing. E no WEC vem de dois vice-campeonatos em 2013 pela OAK e 201s pela G-Drive.

Harry Thincknell, inglês de 23 anos competiu na Fórmula 3 Europeia e Britânica, fez sua estréia ano passado na ELMS e nas 24 Horas de Le Mans correndo na Jota Sports, onde foi vice-campeão do campeonato Europeu, e ganhando as 24 Horas de Le Mans.

Tsugio Matsuda, japonês de 35 anos fez sua carreira no Japão mesmo, fazendo 14 temporadas na Super Fórmula, com dois títulos em 2007 e 2008 e mais 14 temporadas na Super GT sendo campão ano passado da classe GT500, lembrando que ele vai correr no terceiro carro que corre só em Le Mans.

Opinião: Pipo Derani no WEC pela G-Drive.

segunda-feira, 2 de fevereiro de 2015

3 novos pilotos na DTM em 2015.

Blomqvist, Gotz e Auer são os estreantes de 2015.
E o grid da temporada 2015 da DTM está completo, o grid continua quase o mesmo, neste ano estreiam Lucas Auer e Maximilian Götz na Mercedes e Tom Blomqvist na BMW. Joey Hand deixou a BMW e voltou para os Estados Unidos competir na United SportsCar e Vitaly Petrov foi o outro que deixou o campeonato.

Dos novatos desse ano o primeiro confirmado foi Lucas Auer, de 20 anos que é sobrinho de Gehard Berger competiu nos últimos dois anos na Fórmula 3 Européia, ficando em 4° lugar nas duas temporadas, ainda disputou algumas corridas pela Lotus no WEC ano passado. O segundo foi Maximilian Götz, de 28 anos, já é piloto da Mercedes à vários anos, disputou a Blancpain Endurance Series e a Blancpain Sprint Series nos últimos anos, ganhou a BSS ano passado junto com Maximilian Buhk e por último Tom Blomqvist de 21 anos que foi confirmado hoje, assim como Auer veio da Fórmula 3 Européia, campeonato que disputou nos últimos três anos, seu melhor resultado foi ano passado sendo o vice-campeão. Tom é filho de Stig Blomqvist ex-piloto que foi campeão do WRC em 1984

A Mercedes foi a única a dividir seus pilotos, a tendência que a Audi e BMW mantenham os mesmos companheiros nesse ano. Confira a lista abaixo. 

Opinião: LMP1 da Nissan é apresentado.